page up
voltar ao topo
Notícias
Das grandes passerelles às linhas de utensílios, Teciborda apresentou a linha ‘Caixas e Tabuleiros’ Namorar Portugal!
Fevereiro 22, 2018

A empresa vilaverdense Teciborda apresenta uma dinâmica impressionante e trabalha a um ritmo que nem dá para deixar assentar a poeira. Ainda há pouco mais de uma semana, Céu Cunha brilhava na Gala Namorar Portugal 2018, ao conquistar o prémio mais alto do XV Concurso Internacional de Criadores de Moda. Perante um júri composto por estilistas de renome no panorama nacional e internacional da moda, a proposta da Teciborda destacou-se entre meia centena de coordenados criados por estilistas de todo o país. Hoje, 22 de fevereiro, baterias apontadas a apresentação de uma linha de caixas (com diversas utilidades) e tabuleiros inspirados nos motivos dos Lenços Namorar Portugal. A sessão decorreu na Loja Teciborda, em Vila Verde.

A Teciborda reinventou a sua linha de caixas Namorar Portugal, que este ano são feitas em novos materiais e estão preparadas para assumir as mais diversas utilidades. Podem ser utilizadas como guarda-joias, porta-alianças ou como elementos decorativos, já que são objetos agradáveis à vista, que ganham um brilho redobrado com os sentimentos e afetos da tradição minhota. Em relação aos tabuleiros, a lógica é idêntica. Objetos úteis e práticos, que tanto podem ser utilizados como utensílios ou assumir uma função meramente decorativa, tal é a beleza das propostas apresentadas pela criadora vilaverdense.

Presente na sessão, o presidente do Município de Vila Verde, António Vilela, congratulou a parceira Namorar Portugal pelo galardão conquistado no XV Concurso Internacional de Criadores de Moda, estendendo os elogios à nova linha de produtos e ao próprio estabelecimento comercial. “De ano para ano, continua [Teciborda] a brindar-nos com produtos de grande qualidade. Aliás, já ninguém fica indiferente a este espaço comercial, onde se valoriza a cultura e os Lenços Namorar Portugal. É um espaço de referência, com produtos úteis e de grande beleza”, afirmou.

 

O edil recordou ainda que já percorremos mais de metade da intensa e emotiva programação turístico-cultural do Mês do Romance, mas, até 04 de março, há ainda dezenas de atividades e motivos de interesse para quem visitar Vila Verde. Além da preservação e valorização deste imenso património cultural, a marca Namorar Portugal pretende também contribuir para a dinamização da economia e a criação de riqueza, pelo que o futuro passa pela consolidação do processo de internacionalização da marca territorial do Município de Vila Verde.