page up
voltar ao topo
Notícias
VII Concurso Internacional de Acessórios de Moda: Alunos de Felgueiras foram os grandes vencedores numa noite de moda, elegância e cultura
Fevereiro 26, 2017

VII Concurso Internacional de Acessórios de Moda: Alunos de Felgueiras foram os grandes vencedores numa noite de moda, elegância e cultura

A elegância dos desfiles de moda e a magia dos espetáculos culturais são dois dos predicados maiores do Mês do Romance, ajudando a enriquecer uma densa e emotiva programação que conta com perto de uma centena de iniciativas inspiradas nas escritas de amor da tradição minhota e nos motivos dos Lenços de Namorados. Ontem, 25 de fevereiro, a tarde começou com uma encantadora viagem à descoberta da genuína cultura do Minho. A criadora das deslumbrantes Jóias em Estanho Namorar Portugal, Elisabete Dias, partilhou com o público a sua arte inspirada nos motivos dos Lenços de Namorados e conduziu o workshop 'Desenhar as Tradições Minhotas na Folha de Estanho'.

Ao serão, a Quinta de Resela, em Cervães, abriu as portas para receber um evento que juntou o melhor de dois mundos, aliando a sofisticação e o glamour do desfile de moda à energia eletrizante dos espetáculos de música ao vivo. O ‘VII Concurso Internacional de Acessórios de Moda’ constitui um desafio para a criação acessórios de moda inspirados na temática ‘Lenços de Namorados, escritas de amor’. Os designers e estilistas responderam em massa ao repto lançado pelo Município de Vila Verde e brindaram o público com propostas arrojadas, numa aliança majestosa entre tradição e modernidade. No total, foram apresentadas 47 propostas, 30 a título individual e 17 em representação dos sete estabelecimentos de ensino participantes.

Alunos da Escola Profissional de Felgueiras conquistaram o primeiro prémio

O primeiro lugar do pódio foi conquistado por um grupo de alunos da Escola Profissional de Felgueiras (José Gonçalves, Rúben Silva, Tiago Lucas, Nuno Ferreira e Ricardo Ribeiro) com uma mala, uma bengala e um par de sapatos inspirados nos motivos dos Lenços de Namorados. O Centro Escolar de Vila Verde conquistou o segundo prémio e o terceiro lugar foi carimbado pelo aboinobrense Fernando Rei. Ao desfile de moda dos acessórios a concurso, juntaram-se na passerelle os coordenados vencedores da Gala Namorar Portugal 2017 e as novas coleções de dois parceiros Namorar Portugal, a Footnote e a Amazônia Zen. Todas as propostas foram desfiladas pelos vencedores do Casting de Jovens Modelos, iniciativa promovida com o intuito de revelar o potencial dos jovens manequins.

“Perto de uma centena de iniciativas que disseminam pelo país os sentimentos de amor e afeto da tradição minhota”

A música tradicional abriu as hostilidades, com a alegria do grupo de Zés Pereiras “Os Frujeiras”, de Duas Igrejas. Durante o evento, destacaram-se também as atuações musicais dos vilaverdenses Rogério Braga, Luana e Zé Pedro Ribeiro, além do fadista bracarense Mário Bruno. Presente na sessão, a vereadora da Cultura, Júlia Fernandes, não poupou elogios aos participantes no VII Concurso Internacional de Acessórios de Moda’ por apresentarem propostas de “grande criatividade e inovação, inspiradas nos motivos e nas escritas de amor dos Lenços de Namorados”. Júlia Fernandes prosseguiu recordando que ao longo dos 38 dias da programação ‘Fevereiro, Mês do Romance’ (27de janeiro a 05 de março), decorrem perto de uma centena de iniciativas que disseminam pelo país os sentimentos de amor e afeto da tradição minhota. A vereadora da Cultura deixou ainda um agradecimento sentido às bordadeiras da Cooperativa Aliança Artesanal, “pelo trabalho e amor que sempre colocaram nestes bordados e permitiram a grande evolução que se tem verificado”.

Marca Namorar Portugal leva os nomes de Vila Verde e de Portugal aos quatro cantos do mundo

Por sua vez, o presidente do Município de Vila Verde, António Vilela, congratulou os participantes pelas propostas apresentadas num “concurso que, tal como outras iniciativas na programação ‘Fevereiro, Mês do Romance’, tem vindo a conhecer um grande sucesso”. O edil prosseguiu sublinhando o êxito da marca territorial, que conta já com 60 parceiros a produzir oficialmente produtos Namorar Portugal. “A marca está consolidada e temos ouvido vários parceiros dizerem que no espaço de um ano duplicaram o volume de negócios. Temos produtos à venda em todos os continentes, que levam o nome de Vila Verde e de Portugal aos quatro cantos do mundo, o que é motivo de orgulho. Os motivos dos Lenços de Namorados foram transformados em embaixadores do concelho e do país com muita mestria, como se pôde facilmente comprovar pela capacidade de criação e inovação que vimos hoje neste palco”, afirmou António Vilela, acrescentando que esta dinâmica impressionante fez com que o mês de fevereiro se tornasse curto e a programação de 2017 se estenda ao longo 38 dias consecutivos. “É com grande satisfação que vemos o entusiasmo e envolvimento do comércio, das empresas, das instituições, dos artesãos, das freguesias e das escolas neste processo de valorização da cultura, divulgação do território e dinamização da economia”, concluiu o presidente do Município de Vila Verde.