page up
voltar ao topo
Notícias
Mil e uma formas de trabalhar a cortiça na apresentação da coleção “Namorados”
Março 01, 2016

A numerosa família Namorar Portugal deu hoje (29 fevereiro) as boas-vindas a mais um parceiro da zona do Grande Porto, um exemplo claro do alcance cada vez maior da marca territorial que está a conquistar corações dentro e fora de portas. A empresa Ecoemotion, da Maia, apresentou no Espaço Namorar Portugal, em Vila Verde, um leque variado de produtos de cortiça inspirados nos motivos dos Lenços de Namorados. Das molduras aos guarda-chuvas, das bolsas aos cadernos, entre muitos outros, não faltam opções deslumbrantes, amigas do ambiente e carregadas de sentimentos e afetos na coleção “Namorados.

 

Uma história de amor que começou em 2010

A matéria-prima é nacional e foi trabalhada de mil e uma formas até se chegar ao resultado final, uma coleção de grane beleza que vai dar um encanto acrescido ao seu quotidiano. A Ecoemotion afigura-se como um parceiro de peso para a marca territorial vilaverdense, com uma posição consolidada no mercado, que lhe garante presença em quatro centenas de lojas dos CTT em todo o país e em dezenas de espaços turísticos de referência. “A Ecoemotion é uma empresa criada em 2009, com um conceito de sustentabilidade ambiental e social. Este é um dos motivos para termos escolhido a cortiça, um produto 100% português”, começou por referir Carlos Maia, avançando de seguida com uma revelação interessante.

Apesar de se associar este ano pela primeira vez à marca Namorar Portugal, a história de amor entre empresa e os Lenços de Namorados já começou há alguns anos. “Todos os temas das nossas coleções são muito ligados à portugalidade. Já em 2010 tínhamos lançado uma coleção com os desenhos dos Lenços de Namorados, talvez pela força que vi neste elemento cultural”, referiu Carlos Maia, que encontrou na marca territorial uma forma de piscar o olho a novos mercados. “Também temos algum mercado internacional. Esta oportunidade de ligação à marca Namorar Portugal vai com certeza ajudar-nos a ganhar ainda mais notoriedade e a criar novas oportunidades de negócio. Muito obrigado por nos receberem”, rematou o responsável pela empresa portuense.

“Ajudar os parceiros a conquistarem novos mercados”

O presidente do Município de Vila Verde, presente na sessão, fez questão e dar as boas-vindas ao novo parceiro, sublinhando que esta é uma empresa de sucesso e que a linha “Namorados” não terá dificuldade em impor-se nos mercados nacionais e internacionais, onde até já tem feito bastante furor. “Um dos nossos objetivo consiste em ajudar os parceiros a conquistarem novos mercados e aumentarem o seu volume de negócios”, frisou António Vilela, acrescentando que além das notórias potencialidades económicas, o valor cultural e simbólico dos motivos dos Lenços de Namorados granjeia um reconhecimento crescente em todo o país e a cada dia conquista novos e fervorosos adeptos.

Produto de sucesso no mercado. Se a marca o puder ajudar a conquistar novos mercados e aumentar o volume de negócios é para nós uma grande satisfação, esse é o nosso objetivo. “Os motivos já eram utilizados pelo senhor Carlos, que na altura viu nos Lenços de Namorados uma forma de fortalecer os seus produtos. Isso para nós é um orgulho. Simboliza o reconhecimento do trabalho de preservação e promoção que tem sido desenvolvido ao longo dos anos e que faz com que este elemento da cultura local e nacional consiga conquistar muitos corações, resultando em produtos finais de grande beleza”, concluiu o edil.