page up
voltar ao topo
Notícias
Saraus culturais e workshops enriqueceram mais um fim-de-semana de Mês do Romance
Fevereiro 07, 2016

O segundo fim-de-semana (5 a 7 de fevereiro) da programação turístico cultura ‘Fevereiro, Mês do Romance’, do Município de Vila Verde, começou com um conjunto de iniciativas de índole cultural, voltadas totalmente para a comunidade e de participação totalmente gratuita. Os saraus e workshops trouxeram à tona o talento de miúdos e graúdos vilaverdenses, numa viagem deslumbrante pelo mundo das artes e da tradição minhota, todos com entrada totalmente gratuita.

 

As atividades culturais começam, de facto, a assumir-se como um dos principais condimentos do Mês do Romance, enriquecendo uma programação diversificada e abrangente. O Sarau Cultural de Poesia e Música revelou-se um autêntico desfile de talento de jovens vilaverdenses, que encantaram a plateia com poesia, música e encenações dedicadas ao tema do amor, preparadas a rigor para deslumbrar a plateia. E foi exatamente o que aconteceu. O público não arredou pé do primeiro ao último minuto e brindou os jovens artistas com chuvas de aplausos. O evento decorreu na sexta-feira, 5 de fevereiro, pelas 21h00, no Centro de Artes e Cultura de Vila Verde.

Uma viagem pelo mundo dos Lenços de Namorados

No sábado, 06 de fevereiro, o período vespertino arrancou com dois workshops que levaram os participantes a imergir no universo mágico dos Lenços de Namorados. A designer vilaverdense Sílvia Abreu voltou a criar uma atividade voltada para os mais novos. Os motivos dos Lenços de Namorados serviram de inspiração para o reaproveitamento e a redecoração de objetos do quotidiano, estimulando a criatividade dos participantes. Uma sessão lúdico pedagógica, que alia a diversão ao desenvolvimento de uma consciência cívica e ambiental, tudo adornado com os belos motivos da tradição minhota.

Em simultâneo, decorria o Workshop de Bordado, na Quinta do Vale do Homem, em Rendufe. A iniciativa, organizada em conjunto pela Aliança Artesanal e pela Quinta Vale do Homem, levou os participantes numa interessante viagem pelo mundo dos Lenços de Namorados. Do desenho mais singelo ao ponto mais complexo, não houve dúvida que não tivesse ficado esclarecida, numa atividade em que o público teve a oportunidade de experienciar na primeira o processo de criação de um dos maiores ícones culturais da região minhota.

Noite de Fado, Dança e Poesia

 

A cultura voltou a preencher o programa para o serão. As portas do Auditório da EPATV (Escola Profissional Amar Terra Verde) abriram de par em par para receber uma noite de Fado, Dança e Poesia. A iniciativa, organizada pela AMUTER (Associação de Amigos do Museu Terras de regalados), trouxe a Vila Verde artistas de vários pontos do concelho e do distrito que deram corpo a uma programação extremamente interessante, que não demorou a cativar e envolver a plateia. Com o auditório a abarrotar, os artistas não defraudaram as expectativas e foram brindados com aplausos constantes da plateia. Os fados de Lisboa e Coimbra cantados com alma pelas vozes de Juliana Duarte, Carla Cortez e de Magina.